• Gustavo

Você consegue manter seu time engajado?

Um dos grandes problemas das organizações é manter os membros engajados, e com a pandemia isso só piorou. Entretanto, existem meios de contornar essa situação, e no post de hoje iremos abordar como trabalhar com essa questão!


Membros comprometidos X Membros engajados


Primeiramente, é fundamental entendermos a diferença entre membros comprometidos de membros engajados.

  • O membro comprometido faz apenas aquilo que pedimos, e pensa em fazer somente aquilo que é designado enquanto

  • O membro engajado deseja aumentar o impacto da organização, já que esse membro enxerga a organização como um caminho para seu crescimento. (Se a organização se desenvolve, o membro engajado também!)

Para facilitar ainda mais, podemos perceber 4 características em membros engajados, sendo elas: urgência, foco, entusiasmo e intensidade.


Como engajar na prática?

Existem diversas metodologias que podem ser utilizadas para ajudar, entretanto abordaremos a mais prática.

  • MAGIC - é um acrônimo para 5 palavras:

  1. Meaning: entender o propósito da organização.

  2. Autonomy: poder de moldar sua maneira de trabalho e tomar decisões.

  3. Growth: oportunidade de crescimento com desafio constante.

  4. Impact: entender seu impacto na empresa.

  5. Connection: senso de pertencimento.

Meaning:

Os membros precisam entender qual a contribuição da organização para o mundo, e isso deve estar alinhado com suas próprias aspirações. Dessa maneira, eles terão um objetivo em comum, que aumentará seu engajamento. É necessário trabalhar o propósito da equipe sempre que possível, então é essencial fazer isso em reuniões gerais e imersões, onde é possível mostrar o impacto que a empresa está tendo com os clientes.


Autonomy:

Todas as pessoas gostam de se sentir capazes de fazer suas escolhas e construir soluções para os problemas, então fazer com que o time tenha autonomia é fundamental para o desenvolvimento da empresa.


Growth:

Uma organização que não possibilita a oportunidade de crescimento desengaja os membros! Para contornar isso, temos que implementar promoções, reconhecimentos e até premiações, que incentivem as pessoas a darem seu melhor para conseguir algo em troca. Não existe crescimento sem desafios, mas cuidado para não estressar a equipe demais!


Impact:

Os membros precisam saber o impacto de suas tarefas, e os resultados que a organização está obtendo com isso! Então sempre que possível, mostre a satisfação dos clientes, a entrega dos projetos, os resultados de ter executado algum processo de forma diferente.

Connection:

A empresa tem que fazer os membros se sentirem conectado com algo maior, e com pessoas que querem o mesmo que ela. Tanto pela questão de senso de pertencimento, quanto pelo trabalho em equipe, afinal ninguém trabalha sozinho.

Então seguindo seus princípios, para os membros estarem engajados em uma organização eles devem entender o propósito da empresa, ter autonomia para moldar sua forma de trabalho (e tomar decisões), ser desafiado constantemente e por fim ter senso de pertencimento!


Quer aprender mais sobre essa metodologia? Fica a sugestão do livro "Engajamento Magic":




9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Customer Success: sua empresa tem foco no cliente?

Um dos maiores erros cometidos na hora de lidar com o cliente é vender apenas por vender, deixando de lado a experiência do cliente. O Customer Success é uma estratégia que visa manter os clientes por